Sobre Nós


Caros Amigos,

Esta página surge como prolongamento das reportagens realizadas pelo jornalista Pedro Andersson no Jornal da Noite da SIC. 

Há muitos temas e sugestões que por não serem suficientemente importantes para merecerem reportagem ou porque interessam a um reduzido número de pessoas, ficam na gaveta. 
Pode encontrar essas mini-dicas de poupança aqui nesta página.
Sintam-se à vontade para partilhar, para comentar e sugerir temas que possam vir a ser tratados no "Contas-poupança".
Não se admirem se, de vez em quando, vos pedir ajuda para alguma reportagem. Juntos, fazemos melhor e chegamos a mais pessoas.

Responderei sempre que puder, mas proponho que nos organizemos. Vocês já são mais de 30 mil no Facebook, mais uns quantos aqui no blogue, e eu sou só UM.


Obrigado e boas poupanças!

17 comentários :

  1. Boa Tarde
    Recebo o salário mínimo o que dá 6060,00 euros anuais e desconto para a segurança social 666,66 euros.Estive a fazer a simulação na página da entrega do irs e verifiquei que no final o valor dava ZERO. Pergunto, então o valor do IVA que eu tenho a receber de 465,49 euros não deveria aparecer no valor final a receber? Assim como o valor referente à saúde, que já no ano passado não obtive qualquer reembolso. Então só quem desconta IRS mensalmente é que tem direito a reembolso referente a estas despesas? Gostaria que alguém me pudesse esclarecer. Obrigada. Anabela

    ResponderEliminar
  2. AVISO IMPORTANTE: Bom dia, acabei de fazer o download do programa IRS sem custo e foi detetado um vírus trojan no mesmo. Não consigo alertar a DECO dado os serviços estarem encerrados pelo que deixo aqui o aviso.

    ResponderEliminar
  3. Boa tarde,
    Liquidei a PP um orçamento dentário sob orçamento, no final, houve alterações ao mesmo, não fazendo alguns dos itens exposto no orçamento, por não ser necessário, e sob opinião dos mesmos. Solicitei o valor liquidado em excesso, são obrigados a devolver-me?
    Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu pediria... se sao obrigados nao sei. Veja se DECO pode ajudar.

      Eliminar
    2. Eu pediria... se sao obrigados nao sei. Veja se DECO pode ajudar.

      Eliminar
  4. Caro Pedro Andersson,

    O meu nome é Alcino Jorge e eu sou o Gestor de Marketing para países de língua portuguesa da Binary.com — uma empresa pioneira e líder na negociação de Opções Binárias com 15 anos de existência no mercado financeiro online.

    Encontrei o seu site hoje e gostei imenso de ver a sua abordagem direta e transparente na comunicação com os visitantes. Acredito que seria mutuamente benéfico tê-lo como afiliado e que facilmente conseguiria replicar este site (ou pelo menos aproveitar da essência dele ou de outros que tem) para criar ainda outra fonte de rendimento connosco.

    A nossa plataforma possui algumas vantagens competitivas em relação a outras que aumentam a vontade de registro de potenciais clientes e que diminuem a aversão e resistência destes, que principalmente são os baixíssimos valores de depósito mínimo (desde $5) e o valor mínimo para negociações ($1).

    Com a sua habilidade de cativar a atenção dos leitores, acredito mesmo que saberá usar isto a seu favor e benefício (e o seu sucesso é o nosso sucesso, por isso estaremos cá para apoiá-lo).

    No nosso programa de afiliados, você poderá ganhar até 35% das receitas líquidas geradas pelos clientes a quem der a conhecer a nossa plataforma de negociação. Todo o nosso site e a plataforma estão disponíveis em Português e nunca estivemos tão bem preparados para receber clientes de Brasil e Portugal como agora.

    Empregamos uma extensa equipa de escritores, analistas de mercado e programadores dedicados à produção de materiais acessíveis de instrução e vendas para os nossos afiliados.

    Abaixo, forneço um link que poderá usar para se registrar como afiliado:
    http://info.binary.com/alcino_subaff_pt

    Fico, desde já, à sua inteira disposição para responder a quaisquer dúvidas e questões relacionadas com o programa de afiliados Binary.com através do seguinte endereço de e-mail: alcino@binary.com.

    Atenciosamente,


    Alcino Jorge
    Gestor de Marketing para
    Países de Língua Portuguesa

    ResponderEliminar
  5. Submeti a declaração de IRS Mod 3 (anexo G) no dia 03 de Maio. Por consulta ao portal verifico que a declaração ainda aguarda validação. Os serviços de finanças dizem que devido ao enorme afluxo de declarações há atraso na validação. Poderei estar tranquilo, uma vez que o prazo de entrega termina hoje (31 Maio)?

    ResponderEliminar
  6. Caro Pedro Anderson, chamo-me Maria Bento e vou expor a situação caricata relativa ao reembolso do meu IRS.

    Vivo em união de facto há mais de dois anos mas, como eu e o meu companheiro não temos morada fiscal comum, apresentei junto do meu serviço de finanças os documentos exigidos pela Autoridade Tributária para reconhecimento da referida união, tendo a situação ficado aparentemente resolvida. Contudo, qual não foi o meu espanto, quando me dirigi ao serviço de finanças do meu companheiro para ,com os mesmos documentos, comprovar a referida união e foi-me dito que os documentos apresentados eram insuficientes e que teria de juntar uma declaração do meu companheiro a justificar a alteração de morada e um documento do centro de saúde a atestar a veracidade da declaração atrás referida. Será que oficio_circulado_20183_2016 enviado pela Autoridade Tributária para as diferentes direções de finanças é interpretado de acordo com o estado de espírito dos trabalhadores do fisco, ou aplica-se de modo uniforme a qualquer contribuinte. Será que vivemos em países diferentes?
    Já agora, é de referir que inerente a todo este processo está o reembolso do IRS que até à data de hoje(19 de agosto) se encontra retido. Será que se tivesse de pagar ao fisco encontraria todos estes obstáculos?

    Atenciosamente
    Maria Bento

    ResponderEliminar
  7. Sr. Pedro Andersson
    Antes de expor as minhas dúvidas, gostaria de enviar-lhe os parabéns referente ás dicas do Contas-poupanças.
    Queria agradecer-lhe, porque saber sobre o fisco, seguros, crédito á habitação, etc, é um verdadeiro serviço público.
    De seguida, vou relatar as minhas dúvidas:
    • O meu seguro de vida agregado ao crédito á habitação tem a seguinte garantia e valores seguros – Morte e Invalidez total e Permanente, sendo que a cobertura do mesmo, passou dos anteriores 75%, para os 66,6%. Infelizmente, fui operado em setembro de 2015, a um meningioma á cabeça e ainda estou em fase de exames de rotinas, como radioterapia, etc. Vi o seu vídeo, que afirma que tendo os 66,6% de Incapacidade, justificada por junta médica, o crédito á habitação fica liquidada. Neste momento, devo ainda cerca de 25.000 €. Confirma-me esta situação, pois lá para janeiro, penso pedir uma junta médica, através do Atestado Multiusos.
    • Também vi o vídeo sobre os seguros de vida. Como tenho 60 anos, todos os anos, pago mais, devido á idade actuarial e respectiva permilagem. Neste momento pago cerca de 30€ mês.
    • Como deixei de ter confiança comercial com o Santander Totta, desejo mudar de Instituição, mas não sei os pagamentos que teria de fazer.
    • Nos vídeos, o Pedro sugere a REORGANIZA E A CROWN PIER.

    Sr. Pedro
    Caso deseje dar-me mais pistas, desde já agradeço-lhe a sua disponibilidade

    ResponderEliminar
  8. Bom dia
    Gostava de lhe expor uma situação que tem a ver com a entrega do IRS de 2015 com tributação separada e a isenção, ou não, das taxas moderadoras do SNS. Pode indicar-me o seu e-mail?
    Obrigada pela atenção

    ResponderEliminar
  9. Bom dia, Pedro! Em primeiro lugar quero agradecer pelo seu empenho na pesquisa e disponibilização de como todos podemos poupar ou estar mais bem informados nos vários campos. Acompanho o seu blog há uns anitos e aproveito para questionar o seguinte. Faço a contabilização rigorosa das despesas lá de casa e há sempre uma campo que me deixa muito triste com o valor que pago mensalmente. Que são os seguros todos: 4 seguros de saúde + 2 carros + casa + vida + recheio da casa. Que contabilizando tudo, ronda os 150€ mensais. O que acho muito, quando acho que pode estar tudo incluido num só pacote em vez de ser os seguros de saúde pela companhia A, depois o outro seguro pela companhia B e por outro lado há situações que provavelmente estão a ser cobertas 2x em simultaneo. A verdade é que tenho muito pouco tempo para me dedicar a isto, pois tenho muitas crianças em casa e na altura que tenho algum tempinho, estou desejosa de dormir ;)
    Será que me pode indicar empresa ou alguem que me possa auxiliar neste sentido de forma a optimizar a redundancia nas despesas e reduzir o valor mensal?
    Muito obrigada
    Sandra

    ResponderEliminar
  10. Bom dia,
    Como entro em contato para solicitar a vossa ajuda nas negociações do crédito habitação com o banco

    ResponderEliminar
  11. Boa Noite

    Caso decida entregar este ano o IRS em separado (sou casado), tendo 2 filhas devo associar 1 filha á minha declaração e outra filha a declaração da minha esposa, ou tenho que associar as 2 filhas em ambas as declarações?

    ResponderEliminar
  12. boa noite
    Estou a utilizar a nova norma que permite pagar o empréstimo com montantes de resgate PPR sem penalizações.
    Acontece que estou a ser duplamente cobrado de comissão de cobrança de prestação , nomeadamente no débito normal da prestação que inclui juros + amortização + comissões + impostos e depois não sou creditado do montante do resgate, mas o banco faz a anulação do pagamento da prestação e aplica um novo débito de comissão de cobrança de prestação , com valores variáveis de 2,60 euros num mês de de 4,60 noutro mês. Há aqui uma ilegalidade ,confrontado alega que só houve uma cobrança de prestação. Só que está a desvirtuar , pois não está a depositar o resgate, e faz um anulação de pagamento prestação.
    Agora pasme-se esta instituição é pública e tem buracos financeiros de milhares de milhões de euros
    Já estou à mais de 1 mês, sem ter resposta, e já fiz referência à lei que impede cobranças de comissões para resgates de PPR para fins de pagamento empréstimo habitação, não sei se estou à espera que faça queixa na DECO e no Banco Portugal , mas penso que só assim é que irão perceber e reagir
    Cliente muito insatisfeito com banco publico

    ResponderEliminar
  13. Boa tarde,

    agradecia, se possível, que me ajudassem na tarefa de liquidar uma
    uma dívida de crédito automóvel, ao Santander Consumer Finance,
    mas sem que seja aplicada a penalização dos ditos 0,5% sobre o valor em divida.
    Será que é possível liquidar a divida sem ser penalizada?
    Obrigada pela vossa atenção e disponibilidade.

    Atenciosamente,

    Elisabete

    ResponderEliminar

Deixe aqui o seu comentário ou sugestão.